A+ A A-
  • Escrito por Administrator
  • Categoria: Viagem
  • Acessos: 499

Passe um feriado em Floripa

Florianópolis é a capital do estado de Santa Catarina e uma das três ilhas-capitais do Brasil.

Florianópolis é banhado pelo Oceano Atlântico e grande parte está situada na Ilha de Santa Catarina, ou ‘Ilha da Magia’, possuindo cerca de cem praias.

A cidade está sempre em alto-astral, clima de festa, ainda mais agora, em época de feriados (temos o do dia das crianças, finados e o da consciência negra!). 

 

Não só feriados, mas como todos conhecem, senão todos pelo menos a maioria dos jovens conhecem ou até mesmo já freqüentaram a famosa ‘Oktoberfest’, que ocorre anualmente em Blumenau, também localizada em Santa Catarina, é uma ótima opção de divertimento para quem vem visitar o estado gaúcho.


E lógico, Florianópolis é o lugar de gente bonita, homens e mulheres, de todas as idades!

Voltando à Florianópolis...


É visitada por inúmeros estrangeiros, principalmente argentinos, Floripa – como é chamada – também oferece opções para aqueles mais aventureiros, como passeios em trilhas, cachoeiras, escaladas e vôo livre, todos acompanhados por paisagens deslumbrantes de dunas, lagoas, morros e mangues.

Os grandes atrativos de Floripa são as praias. Em cada região, uma peculiaridade – no Leste, onde estão praias como Mole e Joaquina, o surf e a paquera são as marcas registradas. Ao Norte, o mar calmo de Jurerê, Canasvieiras e Ingleses atrai famílias e argentinos. Já as praias do Sul são as mais rústicas e têm como cartão-postal a intocada Lagoinha do Leste. Na questão esportes, a ilha não é privilégio exclusivo dos surfistas. Generosa, incentiva à prática de muitos atividades dentro e fora d´água, como sandboard – descida de dunas em prancha de madeira -, wind e kitesurf, parapente e trekking.

 

Como realizar a viagem dos seus sonhos

O que fazer em floripa?

  • Ilha do Campeche: Única ilha do país tombada como Patrimônio Arqueológico e Paisagístico Nacional, Campeche abriga praias de águas transparentes. A melhor maneira de chegar à ilha é através dos barcos de pescadores que saem da praia de Armação, no Sul de Floripa. No verão, escunas partem da Barra da Lagoa (Leste). Não esqueça a máscara e o snorkel para nadar em meio aos peixes.
  • Lagoa da Conceição: Situada no centro geográfico da ilha, a Lagoa da Conceição não é famosa apenas por ser o point noturno de Florianópolis. O cartão-postal é enquadrado por construções antigas (Canto dos Araçás), vilas de pescadores com bares e restaurantes (Canto da Lagoa), centros de artesanato, escolas de windsurfe... Para apreciar de cima os 15 quilômetros quadrados do espelho d´água e seus arredores siga para o mirante do Morro da Lagoa ou para o restaurante Ponto de Vista, depois da Praia Mole – a paisagem do deck é perfeita.
  • Avenida Beira Mar Norte e Ponte Hercílio Luz: Ponto de encontro dos que buscam a boa forma, a Avenida Beira Mar Norte ganha vida no final do dia. É durante o pôr-do-sol que o movimento de esportistas aumenta, os bares e restaurantes abrem suas portas e a Ponte Hercílio Luz é acesa. Embora interditada para o trânsito de automóveis e pedestres desde 1982, a ponte é um dos cartões-postais de Florianópolis.

- Vida noturna: Os arredores da Lagoa da Conceição, repleto de bares, restaurantes, café e boates - destaque para a Confraria das Artes -, concentram o agito noturno da ilha o ano inteiro. No verão, o litoral Norte também tem burburinho, em especial nos bares das praias de Canasvieiras, Brava, dos Ingleses e da Cachoeira do Bom Jesus, além de Jurerê, onde funciona a filial da boate espanhola Pacha e do club El Divino. O mesmo acontece no Sul, na praia da Armação. O Centro vem, aos poucos, recuperando a boemia. Bares e botecos da Avenida Rio Branco ficam movimentados a partir da happy hour, ou seja, depois das 17h.

 

Veja no vídeo alguns pontos turísticos

Onde comer?


Na cidade que é a maior produtora de ostras do país, os restaurantes capricham na hora de servir o molusco, que chega à mesa cru - forma preferida dos gourmets -, gratinado, no vapor ou à vinagrete. Para experimentá-lo em todas as versões, vá jantar no restaurante ‘Ostradamus’, que às quintas-feiras promove o Festival de Ostras.
Já no concorrido ‘Box 32’, no Mercado Municipal, o tira-gosto vem embebido em champanhe.

 

Nos estabelecimentos nos arredores da Lagoa da Conceição, como os restaurantes ‘Barracuda’, ‘Deca’ e ‘Casa do Chico’, a bola da vez é a seqüência de camarões – um rodízio que traz a iguaria servida ao vapor, frita, à milanesa, ao alho e óleo...
Entre os peixes, a tainha é o destaque é a tainha e ganha recheio de farofa, ovas, camarão e miúdos de peixe, mas também é encontrada temperada apenas com sal e limão. Para adoçar o paladar, invista nas delícias que os ambulantes vendem pelas praias. São brigadeiros, quindins, cocadas e até trufas caramelizadas.

Onde ficar e se hospedar?


Como a cidade é bastante procurada por turistas brasileiros e estrangeiros, Florianópolis oferece uma grande rede de hotéis, todos bem estruturados, com funcionários competentes e atenciosos. Dois hotéis bem falados de Florianópolis são: Porto da Ilha, que é localizado em uma região central privilegiada, próximo a centros comerciais, shopping, bares e restaurantes, além de facilidade de locomoção aos principais pontos de acesso da cidade. E o hotel Porto Sol Hotel, que foi reformado e reinaugurado em dezembro de 2007, está localizado numa das mais belas regiões da Ilha, oferecendo muito conforto, bem estar, varias opções de lazer e uma fascinante vista para o mar dos Ingleses.
Se preferir, pesquise mais opções de hotéis aqui.

Como ir para Florianópolis?

De avião:
Há vôos diários partindo das principais capitais do país, clique e confira dicas para ganhar suas passagens aéreas para Florianópolis. Lembrando que o aeroporto é o Aeroporto Internacional Hercílio Luz.

De carro
Acesso pela BR-101 e BR-282. Para quem vem do Sudeste (e cidades ao Norte de Florianópolis), há ainda a opção via BR-116 (até Curitiba), pegando em seguida a BR-101 e BR-282.

Mais Informações úteis:

- DDD: (048)
- Melhor época do ano para viajar para lá: O verão é a melhor época para visitar Florianópolis, quando todas as atrações, bares, restaurantes e boates estão funcionando. Apesar de ser período de chuvas, dá para curtir bastante. Os meses de abril e maio também são boas opções – chove pouco e as temperaturas são agradáveis. No inverno – julho e agosto - faz frio, com temperaturas ao redor dos 15°C.

  • Escrito por Administrator
  • Categoria: Viagem
  • Acessos: 1564

Viagens religiosas são baratas


Viagens religiosas turísticas são mais baratasOlá, tudo bem? A dica de hoje é sobre ima forma barata de se viajar e conhecer belos lugares, me refiro as viagens religiosas.

Ano passado fiz uma viagem religiosa com meu amigo Jota e o pessoal da sua igreja para Minas Gerais que foi um verdadeiro achado.

Sempre tive o desejo de conhecer melhor as paisagens, culturas e pontos turísticos dos mineiros. E esta viagem foi a realização deste pequeno “sonho”.

Sonho que saiu bem em conta, por assim dizer.

Por pouco mais de quinhentos reais garanti o meu lugar na excursão.

O valor saiu tão baixo porque os membros desta igreja trabalham o ano inteiro fazendo promoções para arrecadar fundos e os lugares que sobram eles doam (digo, vendem para amigos de seus irmãos religiosos).

Quando o Jota me falou do preço nem pensei duas vezes, se fosse fazer esta viagem sozinho, mesmo conseguindo um bom pacote turístico, gastaria no mínimo uns R$900,00.

Viagem tranquila e algumas observações 

Outra vantagem destas excursões religiosas, além do preço, é a tranquilidade da mesma. Como ninguém está indo para a farra e sim para um momento de reflexão as pessoas se comportam bem e o deslocamento é bem calminho.

Claro que o ideal é que você viaje com grupos de religiões que você simpatiza. Ir na viagem só por causa do preço não é muito legal. Pois invariavelmente, você vai ter que visitar junto com eles alguns lugares sagrados, mesmo que não lhe interessem.

Outro detalhe é que para não ficar uma situação muito chata você irá acabar participando de algumas preces, orações e rezas durante a viagem. Então o ideal é você conhecer um pouco os costumes do grupo religioso que você irá viajar.  

 

Finalizando 

Espero que você tenha gostado deste curto artigo. Pesquise na sua cidade ou com amigos de praticantes alguma religião, certamente você ira achar boas viagens bem em conta. Abraço e até a próxima dica. :)

Para finalizar veja um vídeo sobre o turismo religioso no Brasil.

 

Clique aqui e leia outros artigos com dicas de viagens.

  • Escrito por Administrator
  • Categoria: Viagem
  • Acessos: 1440

Viajar para os EUA: Orlando

Parque aquático em OrlandoNo artigo de hoje vamos falar de pontos turísticos que são uma boa opção de visita para quem pretende viajar para a fascinante cidade de  Orlando nos EUA.

Orlando é um destino turístico muito comum dos brasileiros. Porém se você ainda não foi para lá deixo abaixo um artigo com dicas de turismo e lazer oferecidos por esta fascinante cidade.

Turismo e Lazer em Orlando: Indo às Compras

Orlando é uma das cidades turísticas mais famosas do mundo, não apenas pelo maior e mais visitado resort do planeta,Walt Disney World, mas também por seus demais parques temáticos como o Universal Orlando Resort e o SeaWorld Orlando, sem contar também por sua vasta área comercial e hospedagem.

A cidade possui cerca de 100 mil quartos disponíveis a seus turistas, indo de estabelecimentos mais simples e econômicos aos mais luxuosos e caros, portanto, aqueles que procuram por hotéis em Orlando não ficarão sem opções, pois a hospedagem local possui estrutura suficiente para receber a todos.

Mas além da hospedagem, outro fator muito importante para a economia de Orlando é seu comércio, que para os turistas e visitantes é um verdadeiro paraíso, graças à grande variedade de produtos, serviços e preços.

Um dos pontos de compra mais frequentados da cidade é o Florida Mall, que é o mais conhecido e visitado shopping de Orlando. O local possui cerca de 250 lojas e restaurantes, sem contar seus requisitados e movimentados quiosques.

Outro estabelecimento bastante procurado na cidade é o Lake Buena Vista Factory Stores, localizado em uma milha doWalt Disney World. O shopping disponibiliza mais de 300 marcas famosas, e algumas com até 75% de desconto, o que chama a atenção de qualquer turista.

Aos mais ligados em moda, a Orlando Fashion Square oferece diversas opções de compras e marcas, entre elas a importante Victoria’s Secret, uma das marcas de lingerie mais famosas do mundo.

Por fim, Orlando oferece opções que disponibilizam além de diversas alternativas de compras, campo de mini golf, vários cinemas, área de skateboarding e espaço para surf. O Festival Bay Mall, é o lugar ideal para distração e diversão de amigos, famílias e casais.

 

Leia mais: http://murall.com.br/turismo-e-lazer-em-orlando-indo-as-compras/#ixzz3azZxNdRy

 

Viajando de Graça para Orlando

Sem duvidas que viajar para Orlando, apesar de ser algo inesquecível, não é nada barato. Entretanto, existem algumas formas de como você pode deixar a sua viagem bem mais em conta.

Uma destas formas são as milhas aéreas, que possibilitam a você conseguir passagens de avião(sejam elas internacionais ou não) praticamente de graça.

Tenho feito varias viagens usando programas de milhagem, inclusive para Orlando no ano passado, para saber mais como usar as milhas aéreas e conhecer Orlando gastando pouco acesse este link: Clique aqui para saber como viajar de graça para os EUA.

Por hoje era isto, até o próximo artigo com dicas sobre viagens e mais um pouco.

  • Escrito por Administrator

Como viajar de graça com milhas aéreas?

formas de como viajar de graçaNeste artigo vou mostrar para você como viajar de graça usando milhagem e conseguir passagens aéreas mais baratas.

Dólar nas alturas, crise, inflação explodindo, e você se pergunta: como continuar viajando num cenário destes?

Bom seria se pudéssemos diminuir os custos para um nível que não afetasse a qualidade de nossas viagens turísticas ou até viajar de graça, né?

Há sim, certamente, deve ter pensado você... pena que isto é só um sonho de viajante. Engano seu, meu amigo...engano seu ;)

Para viajar gastando pouco basta seguir um método passo a passo, juntar uns pontinhos e pronto, sua viajem poderá sair quase de graça (clique aqui e vá direto ao método que vou descrever). Quer saber mais a respeito?

Então, deixe me explicar melhor como tudo funciona contando uma historinha, ok?

O conselho que me fez possível viajar

Minha mãe sempre dizia que devemos pesquisar para gastar pouco e fazer o nosso dinheiro render mais (principalmente em tempos de crise). E foi isto que eu fiz dois anos atrás quando eu queria viajar para os EUA e estava com poucos recursos.

Procurei e vasculhei diversos pacotes turísticos em várias agências de viagens de todo tipo. Entretanto, infelizmente nenhum deles cabia no meu orçamento.

Já meio desanimado e pensando em desistir da viagem, comentei a situação com um amigo, e então ele me deu uma luz.

Ele disse que estava juntando milhas aéreas para conseguir comprar passagens de avião mais baratas. Detalhe, eu nunca tinha ouvido falar nisto.

Então perguntei: quanto mais baratas? E ele respondeu até de graça se você juntar bastante pontos. O que eu disse?

Ta de brincadeira, sério? Então pedi que ele explicasse melhor como tudo funcionava e quanto mais ele falava, mais empolgado eu ficava.

Depois de escutar tudo o que era possível sobre as tais milhagem, pensei: EUA ai vou eu.... e comecei a preparar tudo para viajar de graça http://www.viajardegraca.net/viagem-de-graca/ para a terrinha do Tio Sã.

Neste momento também lembrei-me do conselho da minha mãe e agradeci a ela.

A partir deste momento tudo o que eu precisava fazer era seguir o passo a passo de um curso que o meu “salvador” me indicou.

Depois de seis meses juntando milhas aéreas de todos os programas imagináveis, finalmente consegui comprar as passagens (sim, ida e volta) quase de graça. Digo quase, pois tive que pagar as taxas de embarque.

 

Não foi fácil, mas se não fosse estes programas de milhagem (e o meu amigo) jamais teria feito esta viagem tão sonhada.

 

Abraço e boas viagens!